A Proclamação da República constituiu um momento muito importante na história do nosso País. A queda da Monarquia era inevitável, já que o rei e seus súbditos mais próximos pouco se preocupavam com os destinos do País. O povo começou a andar descontente e achou que quem deveria governar era um presidente eleito por todos. A 5 de Outubro de 1910 deu-se a tão desejada Implantação da República.

Comemorou-se a 5 de Outubro de 2010 o primeiro Centenário da Implantação da República em Portugal. O Ministério da Educação, através do Plano Nacional de Leitura e em articulação com a Comissão Nacional para as comemorações do Centenário da República, propôs a todos os agrupamentos e escolas que se envolvessem nestas comemorações.

Assim, e ao longo do ano lectivo 2009/2010, o nosso Agrupamento/Escola também realizou alguns trabalhos neste âmbito. A nossa escola começou por fazer uma pesquisa das propostas de bandeiras apresentadas em 1910 para ser feita a escolha da Bandeira Nacional. Esta pesquisa serviu para alargar o âmbito dos conhecimentos dos nossos alunos e despertou a curiosidade para outras pesquisas. O trabalho resultante desta pesquisa foi realizado com a técnica do papel amachucado e pode ser apreciado neste Blog e na Exposição alusiva ao Centenário da República que se encontra patente no Agrupamento de Escolas Serra da Gardunha.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Já este ano lectivo, e mais propriamente no dia 4 de Outubro, realizámos algumas actividades para comemorarmos os cem anos da Implantação da República. Cantámos o Hino Nacional, ilustrámos a nossa bandeira, construímos um mapa semântico, cujo tema central foi a Implantação da República e ainda fizemos a reprodução de todos os Presidentes da República desde 1910 até 2010.

 

 

 

Este trabalho teve como tema “ Os Presidentes da República aos olhos das Crianças”.

 

 

 

 

 

Inserida também nestas Comemorações do Centenário da República, realizámos uma visita à exposição de trabalhos realizados neste âmbito pelas E.B.1 e J.I. do nosso Agrupamento, patente na entrada da sede e na BECRE.

publicado por EB1 Atalaias - profª. Filomena Afonso às 19:51